Decisão do STF faz Lava Jato pedir anulação do processo de Lula no caso do Sítio de Atibaia

    0
    314

    BRASIL, (GAZETA DO POVO) – Em manifestação protocolada, nesta quarta-feira (23), o procurador da República da 4ª Região, Maurício Gerum – que atua na Lava Jato em segunda instância – pediu que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) declare a nulidade da condenação do ex-presidente Lula no caso do sítio de Atibaia.

    Com isso, o processo deve retornar à fase de alegações finais com base na recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de que delatores devem ser ouvidos antes de outros réus.

    O julgamento sobre a possível anulação está marcado para o próximo dia 30. Lula foi condenado a 12 anos e 11 meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui