Derrotado na CAE, Rogério quer que seja aprovada no plenário emenda que beneficia estados do Nordeste

    0
    949

    BRASÍLIA, DF (POLÍTICA A JATO) – A derrota na Comissão de Assuntos Econômicos não foi o suficiente para fazer o senador Rogério Carvalho (PT-SE) desistir de apresentar uma emenda que prevê o rateio de 15% de verbas oriundas da cessão onerosa do Pré-Sal pelo Fundo de Participação dos Estados.

    O senador sergipano acusou o ministro Paulo Guedes de retaliação por conta da derrota que o governo Bolsonaro sofreu com o abono salarial na reforma da previdência.

    A proposta atual da cessão onerosa vai beneficiar somente os estados da região sudeste, ou seja, os estados mais ricos e com um mercado de exportação muito forte.

    A última tentativa do senador sergipano será apresenstar a proposta no plenário do senado ainda nesta terça-feira (15).

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui