Prefeita Nena manda servidores trabalhar e vai curtir carnaval em Pernambuco

0
811

MONTE ALEGRE, SE (POLÍTICA A JATO) – A prefeita do município de Monte Alegre, Alto Sertão do Estado, conhecida por Nena de Luciano editou decreto cancelando os pontos facultativos do carnaval e exigiu que todos os servidores públicos fossem trabalhar durante o período momesco.

Na prática, do dia 15 ao dia 17 de fevereiro, ou seja, de segunda de carnaval a quarta-feira de cinzas o município deverá operar normalmente como se Carnaval não existisse.

A medida, segundo a própria gestora, segue a recomendação do Ministério Público e do Governo do Estado afim de se evitar a aglomeração de pessoas e consequentemente a disseminação do novo Coronavírus.

Ocorre que, ao contrário do seu decreto, a prefeita, o seu marido que é secretário Geral e até o procurador do município não foram trabalhar. Pior, planejaram viagem de carnaval e abandonaram a cidade.

Em síntese, para Nena o servidor público não terá direito a folga de carnaval, mas ela enquanto prefeita tem total privilégio de aproveitar todo o período como se nunca tivesse existido decreto cancelando os pontos facultativos.

Como se não bastasse tamanha afronta aos princípios morais da administração pública, a gestora faz questão de expor todo o momento de lazer em redes sociais se exibindo em fotos e vídeos e provocando até certas aglomerações na praia de Muro Alto, no estado de Pernambuco.

Enquanto ela e seu marido Luciano Lino se divertem, o servidor público amarga o gosto febril de ter que cumprir horário em plena semana de carnaval.

Enquanto isso em Aracaju, o prefeito Edvaldo segue trabalhando na prefeitura, como forma de passar um bom exemplo para os seus servidores e para a população.

Na contramão de Edvaldo, Nena dá um péssimo exemplo e foge dos compromissos como prefeita do município de Monte Alegre

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui